segunda-feira, 11 de maio de 2015

O INOMINÁVEL 2 / O RETORNO DO INOMINÁVEL

título original: The Unnamable II: The Statement of Randolph Carter
títulos brasileiros: O Inominável 2 / O Retorno do Inominável
ano de lançamento: 1992
país: Estados Unidos
elenco principal: Charles Klausmeyer, Maria Ford, Mark Kinsey Stephenson
direção: Jean-Paul Ouellette
roteiro: H. P. Lovecraft (autor do texto original) e Jean-Paul Ouellette

Depois que o jovem Randolph Carter, ao lado de seu amigo Howard, testemunha várias situações sobrenaturais no terreno de uma mansão abandonada, ele decide voltar lá pra explorar algo muito estranho que encontrou: uma cadeia de cavernas subterrâneas sob a mansão.
Acompanhado pelo Howard e pelo professor de História deles, o Randolph desce até lá e encontra um demônio que atacou os amigos dele dentro da casa... Não há o que temer, pois a besta se encontra amarrada com galhos de árvores, sendo essa a forma que o pai dela encontrou pra deter ela (a criatura em questão é a fusão do corpo da filha de um feiticeiro com o corpo de um demônio que ele invocou).
Através de um processo químico, eles conseguem separar o corpo do demônio do corpo da garota, chamada Alyda. Mas logo depois, começam a ser perseguidos pelo demônio, que quer voltar a se fundir com a Alyda.
Agora só resta ao Randolph e ao Howard ficar levando a Alyda de um lugar seguro pro outro, enquanto o demônio obstinadamente persegue eles, tentando pegar a garota.
Talvez as páginas perdidas de um livro de magias que o Randolph encontrou tenham algum feitiço pra deter o demônio... Mas, apenas TALVEZ!

Lançado na televisão como O Inominável 2 e em VHS como O Retorno do Inominável, esse filme é a continuação da Abominável Criatura (1988). Mas a quantidade de contradições e de situações bobas que a gente vê no desenrolar dele fizeram a coisa descer pelo ralo.
Bom, se você conhece o blog, o que vem à sua mente quando eu menciono Calígula (1979), Gigantes Guerreiros Goggle Five (1982), O Rato-Humano (1988), Incesto (2000) e Pecados & Tentações (2008)? É a nossa galeria de comédias involuntárias, né? Então, O Inominável 2 é a nova aquisição dela.rs
Vamos ver algumas das esquisitices do filme:
Antes de tudo, embora a 1ª cena desse filme pretenda continuar a última cena do filme anterior, não é bem isso que acontece: A Abominável Criatura termina com os personagens Randolph, Howard e Tanya, sem mais ninguém ao redor deles, andando pra longe da mansão, depois das situações bizarras que acabaram de passar ali; O Inominável 2 começa com a polícia chegando à mansão, levando a Tanya em estado de choque pro hospital e carregando o Howard pra uma ambulância deitado numa maca!
A personalidade do Randolph também foi extremamente alterada: no 1º filme, ele era um rato de biblioteca que passava o dia fazendo pesquisas e não tava nem aí pro resto da Humanidade; aqui, ele é bem mais sentimental.
No 1º filme, o Howard se chamava Howard Damon; aqui, do nada, o nome do personagem passa a ser Eliot Damon Howard!
E a forma como o Randolph derrota o demônio na luta final também é hilária... Não vou contar, mas vou fazer uma pergunta: já viram uma cadeira ser possuída por um demônio e virar uma ‘cadeira-monstro’ morta? Pois nessa cena vocês vão ver.rs
Também tem uma mudança de aparência da criatura: no 1º filme, ela é um monstro branco com um par de asas atrofiadas nas costas; aqui ela é um monstro vermelho com um par de asas enormes. Mas, até aí, a gente dá um desconto. Afinal, no 1º filme, ela tá fundida com a Alyda. Aqui, é o corpo dela sozinho. Então, talvez essa seja a aparência verdadeira dela.
Assim como A Abominável Criatura, O Inominável 2 foi vagamente inspirado num conto do H. P. Lovecraft: O Depoimento de Randolph Carter (1920). Mas dá pra ver que não se saiu muito bem, né?
Talvez o resultado tivesse sido melhor se o diretor tivesse mergulhado de cabeça na comédia assumida. Mas ele quis contar aqui uma história séria. Aí...
Como ponto positivo, posso dizer que O Inominável 2 tem efeitos especiais melhores que A Abominável Criatura. E como tem cenas de perseguição quase do início ao fim, até que ele se sai bem como filme de aventura.
Também tem umas ceninhas de suspense, mas meio bobas.
Bom, clique aqui pra ver mais informações sobre O Inominável 2:


E clique aí do lado em ‘comédias’ que você acha posts sobre A Abominável Criatura, Calígula, Goggle Five, Incesto, O Rato-Humano e Pecados & Tentações.
Até a próxima!

4 comentários:

Marcelo Castro Moraes disse...

Só com britadeira para achar filmes como esse.

Bússola do Terror disse...

Aliás, é impressionante como, nas minhas andanças pela Internet, eu esbarro com filmes de terror antigos que eu não conhecia.
Mas esses 2 aqui eu já conhecia. Vi em locadoras na época do VHS.

Uouo Uo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
bas ketball disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.